O centenário das Revelações de Fátima reaviva a chama da fé em Maria

Católicos da região se emocionaram com a celebrações do 13 de maio, quando a Igreja Romana comemorou a Aparição aos pastorinhos de Portugal, dois deles canonizados pelo Papa Francisco

No sábado, dia 13, o aposentando de 82 anos, Gerci Pivaro, se viu invadido pela fé, e sentiu emoção indescritível diante da imagem da Mãe sendo coroada, durante a celebração, na Capela de Nossa Senhora de Fátima, na VilaTomaz, em Tanabi, do centenário das Revelações dos Segredos de Fátima a três pastorinhos portugueses, dois deles, Francisco e Jacinta, canonizados pelo papa Francisco, no mesmo dia, do outro lado do Atlântico. Além da missa e coroação, a imagem percorreu as ruas do bairro em procissão.

A emoção sentida por Gercy foi tão grande que prometeu a si mesmo que buscaria formas de divulgar o evento e procurou A Voz Regional solicitando para que fosse o veículo da divulgação das celebrações.

“Eu senti uma felicidade muito grande diante da beleza de toda aquela festa e vi que as pessoas estavam sentindo a mesma coisa”, lembra Gerci. O aposentando diz ter sentido emoção semelhante, há 70 anos, quando morava no bairro rural das Canoas, em Monte Aprazível, quando uma missão jesuíta promoveu atos de evangelização com a imagem peregrina da Santa. “Eu tinha 12 anos e me lembro de tudo, a emoção era diária, no cair da tarde, todos deixavam a roça e se dirigiam ao terço que era realizado cada dia na casa de uma família, por vários dias. Vem daí a minha devoção à santa.

Para o padre Jamil, da Paróquia de São João Batista e São Cristovão, responsável pela Capela de Fátima, a Santa tem um apelo muito popular na comunidade católica. “A mensagem dela é muito atual, em 2017, em plena guerra ela pediu orações pela paz e esse pedido é muito atual porque o mundo vive em conflitos e a paz é um anseio de todos. Fátima prega ainda a compaixão, tolerância com o outro e eu sinto que esse sentimento de tolerância, a convivência com as diferenças, esta crescendo  na sociedade católica”, atesta padre Jamil.

O pároco lembra que o ano será de intensa fé, pois a comunidade viverá, além do Centenário, que se completa em maio de 2018, o tricentenário da Aparição de Nossa Senhora no Rio Paraíba. No início de maio, também celebrou-se Nossa Senhora de Nazaré. “Maria é a mãe que une as pessoas, que protege o filho mais fraco, o marginalizado, aquele que não tem vez e voz. É a Mãe que nos leva a Jesus e aí está o grande poder de atração que ela exerce sobre nós”, resumiu padre Jamil.

Monte Aprazível

Em Monte Aprazíve,l foi realizada novena de 4 a 12 de maio, cada dia com a presença de um padre celebrando a novena e um tema diferente. A paróquia  recebeu a visita da imagem de Nossa Senhora de Fátima que verte lágrimas de mel, azeite e sal e no dia 13 as celebrações começaram com a alvorada com queima de fogos e repique dos sinos as 6 horas da manhã, as 10h30 teve carreata com a imagem de Nossa Senhora de Fátima pelas ruas do bairro e pela Rua Brasil principal rua comercial da cidade.

Ao meio dia foi celebrada a primeira missa festiva em comemoração ao Centenário das Aparições de Nossa Senhora de Fátima e às 19 horas foi realizada a procissão seguida de missa solene do centenário, durante a qual foi ofertado a Nossa Senhora três presentes da comunidade; um manto, um terço e uma coroa. Segundo o padre Carlos Eduardo Nascimento, responsável pela paróquia de Nossa Senhora de Fátima, a comunidade doou um andor novo  e muitas flores para honra de Nossa Senhora.

De acordo com o padre, “teremos ainda como evento comemorativo dentro do centenário de aparição de Nossa Senhora encerrando o mês de maio a coroação de Nossa Senhora no dia 28 de maio durante a missa das 19h30 e depois de junho a outubro, sempre nos dias 13, data das aparições, teremos eventos na igreja lembrando as aparições”, diz.

Padre Carlos conta que a participação da comunidade foi maciça. “Tivemos uma participação muito grande de todas as pastorais, de movimentos religiosos e do povo em geral. Tivemos um fluxo muito grande de gente na sexta e no sábado. Nos nove dias da novena a igreja permaneceu lotada e nas duas missas do dia 13 também. A imagem não ficou sozinha durante o dia 13 em momento algum e os devotos trouxeram muitas flores”.

Para finalizar as comemorações do centenário das aparições de Nossa Senhora em Fátima, Padre Carlos diz que em setembro a paróquia receberá a visita da imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima vinda de Portugal que chegará a igreja no dia 4 de setembro e permanecerá até dia 9. A programação para a ocasião, segundo o padre, ainda está sendo elaborada.

Categorias: Geral