Walter Spolon: Falta pouco! Logo chegamos lá!

Faltam apenas duas quadras, para concluirmos a Rua Brasil. Hoje, começamos no cruzamento com a Rua Djalma Dutra, atual Tiradentes.

Em ambos os lados, tivemos muita gente importante. Descendo, do lado esquerdo, a farmácia do Saura, pai do Carlinhos e Gilberto. Nesse local, depois, tivemos uma fábrica de confecções e, na frente, a Loja Independência, do Sr, Fuad Sallim Marina. Ao lado tivemos a Farmácia do Charles Ferrari e, depois, a Lotérica do Antonio de Castro (Baiano) e do Egberto Durão. Hoje, temos na esquina a Monte Ótica e, ao lado, a Loja da Rosinha.

Seguindo, tivemos o Cartório de Registro do Sr. Inglês de Souza e, depois, do Valcenir Araujo e, finalmente, do Sr. José Eduardo. No local, hoje, temos a Loja Infantil Balloon.

Ao lado, descendo, temos hoje a Loja Macelli Modas e o Consultório Dentário do Claudemir Paiola. Nos fundos, sua residência. Muitos anos atrás, tivemos o Bar do Dionísio Priuli e, nos fundos, a Loja de Gas do Coringa. Posteriormente, ali tivemos, também, a Revistaria do João Barbosa e o Escritório de Contabilidade do J. Reis e Hélio Bocatto.

Descendo, tivemos uma das mais antigas e tradicionais lojas da cidade: As Casas Pernambucanas que, durante anos, foi a líder de vendas da cidade. Por ali passaram muitos funcionários Caibar Guimarães, José Prado, Ademar Pestille, Jabá, Cláudio de Andrade e o gerente, Sr. Diamantino do Espírito Santo. Hoje, temos ali a Loja de Confecções do Jabá.

Ao lado, segundo o Odécio Junqueira, ali tivemos a 1ª Escola Reunidas. Depois tivemos a Livraria e Papelaria Amarante, depois do Roberto Fernandes de Oliveira. Tivemos, também, o Escritório do Décio Tavares, a Bianjo Modas, depois a Loja de Calçados Stylo, a Floricultura da Helena Pinatti e a Loja de Calçados Cergatti, da Rosa Botte.

Ao lado, a tradicional Casa São Paulo, do Sr. Otávio Perezi e o Cine Foto Tin e a Boutique Wave Modas. Hoje temos a loja de telefonia Tim e um salão vazio. Na sobreloja, durante algum tempo, tivemos a Rádio Difusora de Monte Aprazível.

Ao lado, o prédio em reformas, onde funcionou durante algum tempo um açougue. Depois a Rofreitas, do Sr. João Jesus de Freitas. Em breve, voltará a abrigar a Rofreitas.

No prédio da esquina, tivemos a residência e o Bazar Beija-Flor, do Sr. Chaim Soubhia, pai da Rosely e Júlio. Depois tivemos o Snooker do Adauto Molina, o Escritório de Contabilidade do Hélio Bocatto e a Loja A Paulistana. Nos fundos, a residência do Ademar Pestille e, após, a Rádio Difusora. Depois a Loja Bonamonte. Hoje temos a Loja Grazi Tecidos.

Voltando, do lado oposto, tivemos inicialmente um clube, depois a Loja do Sr. Camilo Soubhia e Irmãos. Depois, do Sr. Saura, na troca por uma propriedade rural. A seguir, tivemos a residência e a Selaria do Sr. Angelo Lorenço. Nesse local, tivemos, também, a Loja de Confecções Longo, a Sorveteria do Mineirinho, Papelaria do Tonon, Sorveteria e, hoje, na esquina, a Loja O Boticário e, ao lado, a Loja Vitória.

Na sequência tivemos o Banco Brasul e hoje o Banco Itaú.

Ao lado, o Consultório do Dr. Everaldo Nazareth, a residência do Armando Costa Netto, o Escritório do Dr. Wilson Leal, Lanchonete do William, Farmácia de Manipulação e hoje temos  Lanchonete O Paladar, do César Zeitune.

Ao lado tivemos a residência da família Garcia, depois do Geraldo Berardo, residência do Sr. João Bustos Moreno e, ainda, a residência do Sr. Sylvio Vanucci. Na frente, hoje, temos as lojas Eli e o Salão de Beleza da Keity.

Ao Lado, a residência e o comércio de Secos e Molhados, do Abílio Marum Tabet. Depois a residência e Selaria do João Aredes e Família, seguida da Loja do Sr. Sylvio Vanucci. Hoje temos a Rofreitas.

Em seguida, tivemos a residência do Sr. Pericoco e vários salões de comércio, dentre eles, a Oficina de Conserto de Rádios, do Ditinho; Café, do Sr. Zezinho Leal, depois transferido para a Praça São João; Bar do Sylvio Sbroggio; Loja da Vilma Perezi; Oficina de Conserto de Rádios, do Romancini;  Crefisul, do Glycério Cappi; Loja da Tramontina, do Celestino Beira; Salão do João Barbeiro e Bar e Pastelaria do Nelson Barbosa.

Nesse local tivemos o Cine Vera Cruz, durante muitos anos. Hoje, temos a Loja Calça e Veste, do Ademar Pestille e a Paulistana Tecidos, da Cidinha, esposa do Cláudio Andrade.

Na próxima semana, completamos a caminhada.

Categorias: Artigos