Walter Spolon: Um click no passado!

Através dessas fotos, vamos reviver um pouquinho de nosso passado, nossa história.

Foto 1: Posto do Honório Dias. Localizado na Rua Osvaldo Aranha, saída para Nipoã, foi um dos locais concorridos da cidade.  A Oficina Mecânica era do Sr. Gerson Stochi. Ao lado, tivemos, durante muito tempo a Agência Ford e a revenda de Tratores Ford, do Júlio Maionchi e Irmãos. Lembro-me até hoje, do lançamento do automóvel Corcel, que ficou exposto ali na loja, durante vários dias. Quem adquiriu esse carro foi o Professor José Agrelli que, tempos depois, elegeu-se Prefeito, em 1983, fazendo uma bela administração.

Tempos, também, dos possantes automóveis Maverick e Landau.

Na esquina, tivemos a famosa Padaria do Chico Padeiro, o armazém do Bem-Bem, a residência do Sr. Natalino Dias, logo abaixo a residência do nosso Ex-Prefeito e Ex-Deputado, Lavínio Luchesi …

Foto 2: Aqui temos uma vista da rua São João, onde aparecem em primeiro plano, do lado esquerdo, a Casa Maset e, do lado direito, a Casa Macri, encoberta, em parte por uma árvore, plantada na frente da casa do Padre Altamiro. Aliás, essa árvore, foi o assunto principal, há alguns meses, quando alguém quis acabar com ela. Forte, resistiu a todas as tentativas de extinção.     Antes da árvore, do lado direito, temos o carro da época, uma charrete, estacionada na frente da Loja do Fadula. Fotografia perfeita, com grande profundidade de foco, que permite visualizar até a Caixa D’água, no final da rua.

Na Foto 3, uma visão do Jardim da Praça São João, com as plantas ainda em desenvolvimento, mas que nos trazem muitas lembranças. Jardim super bem cuidado. Ao fundo da foto, vemos os prédios do Forum e Prefeitura. Os jardineiros da época, com certeza, eram a Bongiorno e o Sr. Antonio. Foto tirada da parte superior do antigo prédio do Banco do Brasil, hoje, OAB.

Na Foto 4, tirada de cima da Igreja, dos 4 Anjos, temos uma visão quase aérea da cidade. Em primeiro plano, na frente, a Casa De Marchi, de secos e molhados. Do lado de cima, parte do prédio de Posto de Saúde. Ao fundo, dá para ver o prédio da Família Sciotti, hoje Auto Escola e Despachante Montmar e Escritório Chiarelli. O prédio do Banco do Brasil, ainda não existia. A foto mostra, também, a residência do Sr. Pacca e, pouco mais abaixo, a casa onde morou a família Soubhia, hoje do Manfredo. Nesta mesma casa, residiram o Dr. Falcão, pai do Ney e Ruy Falcão e, depois, o Dr. Said B. Tannus. À direita, em baixo, uma faixa do candidato a Prefeito Lavínio Luchesi e do candidato a Vereador Elias Duaik.

Na Foto 5, tirada de cima da Igreja Matriz, vemos, em primeiro plano, a Casa Dias Martins, o Auto Posto Garcia, do Sr. José Garcia Martinez, o açougue do Tonico Tonon e outros, na Rua do Café e o prédio do Bar do Orlando Troleis, na Rua João Pessoa. Onde foi o Dias Martins, tivemos, depois, a Casa Aropecuária , da Marilene e Ezuperândio e, hoje, a Loja de Móveis do Sata, recém inaugurada.

Foto 6, tirada do alto da Igreja Matriz, mostra parte do terreno da  residência da Professora Yolanda Abdalla; do lado direito da esquina, o Posto de Saúde e, de frente, uma boa parte do quarteirão onde morou a Professora Emily Cury e os prédios onde tivemos o Consultório do Dr. Ocirei e, do outro lado, onde hoje reside o Sr. Laércio Lofrano, o sobrado do Aprazível Clube, depois Cartório do Dr. Saad Abdalla e Fiorizi Piovesana e, hoje, restaurante do Riskalinha.


Foto 7: Prédio da Escola Feliciano Salles Cunha e, ao fundo, a Prefeitura Municipal e Forum.

Foto 8: Em primeiro plano, o prédio da Prefeitura Municipal e o Mercado Municipal. No canto direito, entrando na foto, um caminhão, provavelmente ano 1950.

Na Foto 9, o prédio antigo do Banco do Brasil, na Praça São João, esquina com a Amador de Paula Bueno e São João. Hoje, Casa do Advogado, “Dr. Wilson Guiguet Leal”.

Recordar é muito, muito bom!

Categorias: Artigos