Sicredi chega a Tanabi trazendo investimento na educação

O Sicredi, instituição financeira de crédito cooperativo com mais de quatro milhões de associados em todo o Brasil, vai inaugurar sua agência em Tanabi, em julho, mas já está fomentando investimentos sociais na cidade. Na segunda-feira, será lançada a primeira etapa do programa  A União Faz a Vida, criado pela instituição e desenvolvido na rede pública dos municípios onde atua, com os primeiros sessenta professores da rede municipal. de Tanabi

Segundo a assessoria de imprensa da instituição, o programa é um dos exemplos da iniciativa de responsabilidade social da cooperativa de caráter comunitário, “O Sicredi trabalha na educação integral de crianças e adolescentes, ajudando a despertar a essência do cooperativismo  e contribuindo para formar uma sociedade mais colaborativa, ética e empreendedora. O sucesso do projeto está ligado a vários atores, como educadores, alunos e gestores das escolas envolvidas. O Sicredi Noroeste já desenvolve o programa em Mirassol e Catanduva, atendendo mais de 1.300 crianças em dez escolas”, resume a nota da assessoria de imprensa.

Além do programa específico, ainda segundo a nota, serão promovidas várias iniciativas que impactam positivamente  a comunidade como oficinas e workshops de educação financeira. “Acreditamos que o conhecimento sobre orçamento doméstico e gastos é essencial para o consumo consciente e para melhorar a qualidade de vida dos nossos associados e da comunidade.”

A Cooperativa

A Cooperativa Sicredi desenvolve um plano de expansão nacional, sendo previstas duzentas novas agências, entre oitenta e cem delas no Estado de São Paulo. Na região, já operam agências em Rio Preto, Catanduva e Mirassol e Tanabi terá o seu primeiro ponto de atediamento.

“Como sistema cooperativo, trabalhamos para promover o que chamamos de ciclo virtuoso, quando recursos financeiros gerados permanecem na área de atuação da cooperativa, estimulando geração de renda, crescimento sustentável e impactando positivamente a comunidade”, ressalta o presidente do Sicredi Noroeste SP, José Carlos Afonso Cuginotti.

Instituições financeiras cooperativas oferecem os mesmos serviços de um banco tradicional, tendo como diferencial que “os donos do negócio são os associados, que participam ativamente  da gestão e das decisões, através de assembleias”, diz a nota distribuída à imprensa. “O principal objetivo de uma cooperativa de crédito não é gerar lucro, mas trabalhar para propor as melhores soluções financeiras aos associados. Os resultados positivos gerados, denominados sobras, retornam ao cooperado de acordo com a movimentação financeira dele.”

Categorias: Tanabi