Monte Aprazível vai receber mais de R$ 2 mil do Pré-sal

O mega leilão de concessão de exploração de petróleo nas bacias de Santos e Campos vai render ao governo mais da metade da previsão do déficit fiscal de 2018, estimado em R$ 130 bilhões. Metade do dinheiro vai para a Petrobrás e R$ 6 bilhões serão divididos entre Estados e Municípios, de acordo com população e estado de pobreza.

Segundo o prefeito de Monte Aprazível, Marcio Miguel, de acordo com os cálculos da Associação dos Municípios, a previsão é de receber em torno de R$ 2 milhões. Outro fator que pode elevar o montante é o valor final do leilão.

O prefeito pretende aplicar esse dinheiro em obras de infraestrutura se a liberação se der ainda neste ano, porque o repasse extra deve ser empenhado e liquidado neste atual exercício.

Caso a liberação fique para o ano que vem, segundo Márcio, vai ser possível planejar melhor o investimento no sentido de atender demandas mais prioritárias.

Ao contrário dos Estados, os municípios, desde que não tenham dívidas previdenciárias, podem aplicar os recursos livremente.

Independentemente do período da liberação, o valor é bastante significativo.

Categorias: Monte Aprazível