Padroeira do Nosso Teto tem sua quermesse virtual

Em época de coronavirus, a criatividade e a adaptação aos novos tempos têm que ser usadas a todo momento. A paróquia de Nossa Senhora de Fátima, usando a criatividade, criou a quermesse virtual em louvor a Nossa Senhora de Fátima. Em tempos normais a quermesse era realizada nos meses de maio no salão de festas da paróquia.

Thiago José Demônico, coordenador dos eventos paroquiais, conta que a princípio a ideia era mesmo uma quermesse virtual, com bingos online e música ao vivo, “mas não foi como o esperado. Faltaram pessoas para chegarmos nesse nível, então aconteceu de forma não presencial, com um esquema de drive tru, através do qual as pessoas passavam, adquiriam seus frangos, porções de polentas e coxinhas e refrigerante”.

A ideia, segundo ele, surgiu da necessidade de angariar fundos para a manutenção da igreja. “Já havíamos preparado quase tudo para a quermesse presencial, tradicional no mês de maio. Com a suspensão dos eventos em razão do isolamento social, tivemos a ideia de fazer algo que todos pudessem participar de forma não presencial e Deus nos permitiu realizá-la com êxito”.

A quermesse virtual, de acordo com Thiago, foi bem aceita pelos amigos e fiéis da paróquia. “Conseguimos vender todas as fichas preparadas para a noite, sem contar que tivemos a graça de vender trezentas coxinhas a mais do que previsto para vendermos inicialmente. Com isso, a quermesse atendeu nossas expectativas. “No começo bateu receio, mas depois foi uma correria só para fazermos mais produtos, pois havíamos vendido tudo”.

Numa quermesse presencial são vendidos, segundo ele, cerca de duzentos frangos por noite. “Na quermesse virtual vendemos cem e muitas pessoas ficaram sem porque acabou rápido demais”. Em razão do sucesso, Thiago conta que realizarão uma nova edição no dia 6 de junho e “desta vez faremos mais frangos e porções, pois a procura nos surpreendeu”.

A segunda edição da quermesse virtual terá início, segundo Thiago, no dia 31 de maio com a venda de fichas dos frangos e porções, “assim teremos ideia da quantidade a ser preparada”. As fichas podem ser compradas com o próprio Thiago, com os agentes pastorais, na secretaria do escritório paroquial ou na casa paroquial com o padre Carlos Eduardo Nascimento, pároco de Fátima, e no ponto de vendas que é o supermercado SuperEconômico.

Todo o dinheiro arrecadado com a quermesse será empregado na manutenção da paróquia, “visto que durante esse tempo de pandemia, sem a presença física das pessoas, o dinheiro de ofertas que entrava durante as celebrações faz falta para o pagamento de água, energia, telefone, materiais litúrgicos, caridade e salário de funcionários”, conclui.

Categorias: Monte Aprazível